NUTESES
 
SISTEMA DE PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA DE TESES E DISSERTAÇÕES | BUSCA |

Warning: in_array() [function.in-array]: Wrong datatype for second argument in /home/webtedenuteses/html/tde_busca/biblioteca/mostraResultados.inc on line 828
Pesquisa resultou em: 1 registro(s)
Páginas:
Primeira | 1 | Última
Resultado(s) [1 - 1]
Total de Páginas: 1
1
Autor: Sérgio Roberto Adriano Prati
   
Título(s):
[pt] Influência do execício físico programado e da ingestão de nutrientes nos níveis de adiposidade de adolescentes obesos
[en] The Effect of Controlled Physical Exercise and the Ingestion of Nutrients at the Adiposity Level by Obese Adolescents
   
Instituição de Defesa: Universidade Federal de Santa Catarina
   
Resumo(s):
[pt] A obesidade na adolescência tem se tornado um grave problema de saúde pública na sociedade moderna. Além de suas conseqüências de ordem metabólica e fisiológica, graves distúrbios comportamentais e sociais podem se desenvolver em decorrência desse problema. Dentre as principais causas da obesidade estão o elevado consumo calórico em dietas desequilibradas associado aos baixos níveis de gasto energético. Intervenções em idades precoces são favoráveis. Dessa forma esse trabalho teve o objetivo de analisar a influência do exercício físico programado e da ingestão de nutrientes nos níveis de adiposidade de adolescentes obesos. Primeiramente, buscou-se verificar os índices antropométricos e verificar as características de consumo alimentar de adolescentes obesos. A seguir procurou-se verificar qual a influência do exercício físico programado nos níveis de adiposidade dos adolescentes e em seqüência verificar a influência da associação entre a ingestão de nutrientes e o exercício físico nas proporções de gordura corporal dos adolescentes obesos. A pesquisa tem característica quase-experimental. A amostra foi composta por 24 adolescentes voluntários na faixa etária de 14 a 17 anos que apresentavam IMC variando de 25 a 39kg/m2. Foram formados três grupos, sendo dois de intervenção (G1, n=7 e G2, n=7) e um de controle (G3, n=10). Para se estimar os níveis de adiposidade corporal (%G) foram utilizados os métodos da antropometria a partir de dobras cutâneas (DC) e o método de impedância bioelétrica (BIA). Para se estimar as características alimentares utilizou-se o inquérito alimentar de 24 horas durante três dias da semana. As intervenções abordaram os seguintes aspectos: exercício físico programado (para o G1 e G2) – duas sessões semanais de exercícios físicos com duração de 60 minutos cada, composta de exercícios aeróbicos (30 minutos), exercícios de força e resistência muscular (20 min.) e exercícios de flexibilidade (10 min.); e hábitos nutricionais – os integrantes do G1 receberam dietas equilibradas com 1800kcal/dia. A duração do programa de intervenção foi de quatro meses. Como resultados principais foi verificada diminuição significativa de 4,3%G (DC) e 2,5%G (BIA) nas médias de %G para os adolescentes do G1, e na comparação entre os grupos houve diferença significativa entre as médias na variável %GBIA (G1=-2,43; G2 1,52, p=0,016) e na variável %GDC (G1=-4,28%; G2=-1,55%; G3=1,14%, p=0,012). Quanto à influência dos nutrientes nos níveis de adiposidade, obteve-se influência significativa sobre a diferença da quantidade de gordura estimada pela impedância (BIA) de 70% (R2=0,7, p=0,04). A partir dos resultados verifica-se que as intervenções controladas dos aspectos nutricionais e de exercício físico podem ajudar no processo de emagrecimento possibilitando diminuição de gordura corporal e de suas conseqüências à saúde, contudo enfatiza-se que a intervenção de forma terápica não é o único caminho eficaz. A intervenção de forma preventiva nas escolas através de conteúdos de Educação Física relacionada à saúde poderia ajudar a desenvolver a autonomia das pessoas frente a hábitos saudáveis de vida.
[en] Obesity during the adolescence has been a serious problem of public health modern society has been facing. Besides their metabolic and physiologic consequences, serious social and behavior disturbances can develop in consequence that problem. The high caloric consumption of unbalanced diets associated with low levels of energy waste are the main causes. Interventions in the adolescents are favorable. In this sense, the purpose of this study was to analyze the influence of both controlled physical exercise and the ingestion of nutrients at the adiposity levels by obese adolescents. Firstly, the anthropometric indexes as well as the characteristics of alimentary consumption of the adolescents were examined. After that, the effect of physical exercise and the influence of the association between the ingestion of nutrients and the physical exercise at the levels of fat in obese adolescents were also examined. This research can be considered an almost experimental one. The sample embraced 24 voluntary adolescents in a 14 to 17 age group that presented BMI varying from 25 to 39kg/m2. Three groups were obtained: two intervention ones (G1, n=7 and G2, n=7), and one control group (G3, n=10). To estimate the levels of body composition and adiposity (%G) two methods were used: the skin fold (SF) and the bioelectric impedance method (BIA). To estimate the alimentary characteristics, the alimentary inquiry was used 24 hours three days a week. The interventions approached the following aspects: physical exercise (for G1 and G2) – Two weekly sessions with the duration of 60 minutes each, composed of aerobic exercises (30 minutes), strength exercises (20 min.) and stretching (10 min.); and nutritional habits – the G1 subjects received balanced diets with 1800kcal/day. The intervention program was extended for four mouths. A significant decrease of 4.3%G (SF) and 2.5%G (BIA) in the averages of %G for the G1 adolescents was the main result. Comparing the groups there was a significant difference among the averages in the variable %G BIA (G1 = -2.43; G2 = 1.52, p = 0.016) and the variable %G SF (G1 = -4.28%; G2 = - 1.55%; G3 = 1.14%, p = 0.012). Concerning the influence of the nutrients at the adiposity levels, significant influence in the difference of the amount of fat for the impedance (BIA) of 70% (R2 = 0.7, p = 0.04) was observed. Considering these findings, it can be verified that the controlled interventions of the nutritional aspects and physical exercises can help in the lose weight program, allowing the decrease of obesity and of its consequences to health. However, the therapy intervention is not the only way. The intervention as a preventive way in the schools through contents of Physical Education related to health could help to developed people’s autonomy considering their healthy habits of life.
   
Titulação: Mestrado em Educação Física
   
Programa de Pós-Graduação: Educação Física
   
Área de Concentração: Atividade física relacionada à saúde
   
Linha de Pesquisa: Não possui
   
Contribuidor(es):
[Orientador] Edio Luiz Petroski
[Membro da Banca] Pedro Alberto Barbetta**
[Membro da Banca] Amauri Aparecido Bássoli de Oliveira
   
Assunto(s):
[pt] EDUCACAO FISICA
[pt] Exercício físico
[pt] ingestão de nutrientes
[pt] adiposidade
[pt] adolescente
[pt] obesidade
[en] Physical exercise
[en] ingestion of nutrients
[en] adiposity
[en] adolescent
[en] obesity
   
Local de defesa: Florianópolis - SC - BR
   
Data da defesa:
[pt] 26/02/2002
[en] 26/02/2002
   
Número de Páginas: 162
   
Arquivo(s):
PDF - Dissertação
Detalhar Incluir na pasta 
    


Resultado(s) [1 - 1]
Primeira | 1 | Última
Páginas:
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações
Busca  
Busca Avançada »
Pasta de Trabalho » Ajuda
Registros por página

v-IBICT | COPYRIGHT ©
desenvolvido para IE 5.0+
Universidade Federal de Uberlândia www.sibradid.eef.ufmg.br