NUTESES
 
SISTEMA DE PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA DE TESES E DISSERTAÇÕES | BUSCA |

Warning: in_array() [function.in-array]: Wrong datatype for second argument in /home/webtedenuteses/html/tde_busca/biblioteca/mostraResultados.inc on line 828
Pesquisa resultou em: 1 registro(s)
Páginas:
Primeira | 1 | Última
Resultado(s) [1 - 1]
Total de Páginas: 1
1
Autor: Maria Fátima Glaner (T)
   
Título(s):
[en] Physical growth and health-related physical rtness in rural and urban adolescents
[pt] Crescimento físico e aptidão física relacionada à saúde em adolescentes rurais e urbanos.
   
Instituição de Defesa: Universidade Federal de Santa Maria
   
Resumo(s):
[en] This study, characterised as cross-sectional, aimed at comparing the physical growth and the health-related physical fitness (HRPF) of female and males adolescents, who live in rural and urban áreas. It also aimed at comparing the results with criterion-referenced standards established by Marcondes (1982) for the physical growth and by AAHPERD (1988) for the HRPF. 1420 volunteer students, from public schools composed the sample. 447 out of 1420 are urban females and 252 are rural ones; 435 are urban males and 286 are rural aged among 10.50 and 17.49 years old. The physical growth was analysed through stature, body mass, sitting height, lower extremity length, forearm girth, bistyloid radial-ulnar, and biepicondylar fémur width. HRPF was analysed through body mass index, sum of the triceps and calf, aerobic endurance, muscular strength/endurance, upper body strength/endurance and flexibility. AH the variables were analysed through the Statistical Analysis System, by decimal age, between and within sexes between rural and urban áreas. To compare the variables with normal distribution Fischer's F statistic was used (p < 0.05). For the variables with abnormal distribution, Kruskal-Wallis1 test was used (p < 0.05). The obtained results make it possible to conclude that from 14 on, boys show significantly higher averages (p < 0.05) in the variables of physical growth than girls; the physical growth is similar within the same sex between rural and urban adolescents. In general, both girls and boys show superior stature and body mass compared to national references. HRPF is superior (p < 0.05) in boys from ali ages. Rural boys and girls show better (p < 0.05) HRPF than their urban pairs. About 85% of rural girls and boys and about 93% of urban girls and boys do not match the criterionreferenced, indicators of a recommended HRPF.
[pt] Este estudo, caracterizado como transversal, teve por propósito comparar o crescimento físico e a aptidão física relacionada à saúde (AFRS) de adolescentes femininos e masculinos, residentes em áreas rurais e urbanas, bem como comparar os resultados com padrões critériosreferenciado estabelecidos por Marcondes (1982) para o crescimento físico e pela AAHPERD (1988) para a AFRS. A amostra foi composta por estudantes voluntários, das redes públicas de ensino, totalizando 1420 sujeitos. Destes, 447 são moças urbanas e 252 rurais; 435 são rapazes urbanos e 286 rurais, com idades entre 10,50 a 17,49 anos. O crescimento físico foi analisado através da estatura, massa corporal, altura troncocefálica, comprimento de membros inferiores, perímetro do antebraço, diâmetros biestilóide rádio-ulnar e biepicondiliano do fémur; e, a AFRS através do índice de massa corporal, somatório das dobras cutâneas tricipital e panturrilha, aptidão cardiorrespiratória, força/resistência da parte inferior do tronco e da parte superior e braços, e flexibilidade. Todas as variáveis foram tratadas no Statistical Anaiysis System, por idade decimal, entre sexos e no mesmo sexo entre as áreas rural e urbana. Para comparar as variáveis com distribuição normal foi usada a estatística F de Fischer (p < 0,05) e, para as sem distribuição normal foi utilizado o teste de Kruskal-Wallis (p < 0,05). Os resultados obtidos possibilitam concluir que: a partir dos 14 anos os rapazes apresentam médias significativamente (p < 0,05) maiores nas variáveis de crescimento físico do que as moças; o crescimento físico é semelhante no mesmo sexo entre rurais e urbanos; de modo geral, tanto as moças como os rapazes apresentam estatura e massa corporal superiores aos referenciais nacionais; a AFRS é superior (p < 0,05) nos rapazes em todas as idades, em relação as moças; moças e rapazes rurais apresentam melhor (p < 0,05) AFRS do que seus pares urbanos; em torno de 85% das moças e rapazes rurais e, em torno de 93% das moças e rapazes urbanos não atendem os critérios-referenciado, indicadores de uma recomendada AFRS.
   
Titulação: Doutora em Ciência do Movimento Humano
   
Programa de Pós-Graduação: Educação Física
   
Área de Concentração: Não possui
   
Linha de Pesquisa: Não possui
   
Contribuidor(es):
[Orientador] Candido Simoes Pires Neto
[Membro da Banca] José Henrique Souza da Silva**
[Membro da Banca] Nanci Maria de França
[Membro da Banca] João Luiz Zinn**
[Membro da Banca] Ney Luis Pippi
[Membro da Banca] Antonia Dalla Pria Bankoff
   
Assunto(s):
[en] not avaliable
[pt] não disponível
[pt] EDUCACAO FISICA
   
Local de defesa: Santa Maria - RS - BR
   
Data da defesa:
[pt] 14/01/2002
[en] 14/01/2002
   
Número de Páginas: 127
   
Arquivo(s):
PDF - Tese (Parte 1)
PDF - Tese (Parte 2)
Detalhar Incluir na pasta 
    


Resultado(s) [1 - 1]
Primeira | 1 | Última
Páginas:
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações
Busca  
Busca Avançada »
Pasta de Trabalho » Ajuda
Registros por página

v-IBICT | COPYRIGHT ©
desenvolvido para IE 5.0+
Universidade Federal de Uberlândia www.sibradid.eef.ufmg.br