NUTESES
 
SISTEMA DE PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA DE TESES E DISSERTAÇÕES | BUSCA |

Warning: in_array() [function.in-array]: Wrong datatype for second argument in /home/webtedenuteses/html/tde_busca/biblioteca/mostraResultados.inc on line 828
Pesquisa resultou em: 1 registro(s)
Páginas:
Primeira | 1 | Última
Resultado(s) [1 - 1]
Total de Páginas: 1
1
Autor: Jolmerson de Carvalho
   
Título(s):
[pt] O Perfil do Estilo de Saúde e a Qualidade de Vida do Portador de Deficiência Visual da Grande Florianópolis
[en] THE HEALTH CONDITION AND THE QUALITY OF LIFE OF THE DEFICIENCY VISUAL OF GREAT FLORIANÓPOLIS
   
Instituição de Defesa: Universidade Federal de Santa Catarina
   
Resumo(s):
[pt] Ao abordar o assunto referente à deficiência visual, considerou-se como tal, qualquer redução das aptidões visuais, segundo a classificação da Associação Internacional de Desportos para Cegos - mSA (BI - B2 e B3). Quanto ao estilo de saúde, não se considerou somente a ausência de doenças, mas sim, um somatório de sintomas que englobasse todo o estado de bem estar geral, que incluía aspectos fisicos, psicológicos, emocionais, espirituais, sociais e ambientais. Quando avaliou-se o estilo de vida do portador de deficiência visual, procurou-se levar também em consideração o status que possui a aptidão fisica relacionada à saúde, absenteísmo, produtividade e inclusive uso de serviços médicos. No que se referiu à qualidade de vida, considerou-se esta como um conjunto de parâmetros individuais, socioculturais e ambientais que caracterizassem as condições em que vive o portador de deficiência visual. O objetivo principal deste estudo foi traçar um perfil do estilo de vida e da qualidade de vida do deficiente visual da Grande Florianópolis. Para tanto, foi aplicado um questionário visando obter um levantamento dos hábitos de saúde, prontidão para a prática de exercício fisico e estresse, testes de aptidão fisica (flexibilidade, abdominal e o teste da milha), que serviram para diagnosticar valências fisicas consideradas de grande importância para uma vida saudável, bem como a realização de medidas antropométricas para estimar o grau nutricional dos portadores de deficiência visual. Através da análise de resultados, pôde-se observar que a maioria dos homens 61.54% no Q I M são solteiros; 42.31% no Q I M são deficientes Bl (cegos); 42.30% no Q I M lêem Braille; 42.32% no Q I M não abordam assuntos sobre atividade fisica em suas leituras; quanto ao grau de instrução, o Q I M apresentou 23.07% com o I grau completo. Em relação ao nível de vulnerabilidade ao estresse, 26.93 % do Q II M apresentaram moderada vulnerabilidade; 36.62% no Q I M passam a maior parte do tempo sentados, quanto a prática de esporte de caráter recreacional, 46.15% no Q I M não fazem nada; em relação ao Q-PAF, responderam sim (não estão aptos para a atividade fisica 34.61% no Q I M). Quanto às mulheres 44.44% no Q I F e Q II F são solteiras, 44.44% Q II F são deficientes Bl (cegas); 33.33% no Q I F e Q II F lêem Braille; 44.45% no Q I F não abordam assuntos sobre atividade fisica em suas leituras. Quanto ao grau de instrução, o Q I F apresentou 33.33% com o I grau completo e o Q II F 33.33% não estudaram ou não completaram o I grau; quanto ao nível de vulnerabilidade ao estresse, 33.34 % do Q II F apresentaram moderada vulnerabilidade; no que tange ao hábito de atividade fisica diária, 33.33% no Q I F e Q II F passam a maior parte do tempo sentadas; a prática de esporte de caráter recreacional 33.34% no Q II F fazem uma vez por semana; em relação ao Q-PAF, responderam sim (não estão aptas para a atividade fisica 33.34% no Q II F).
[en] The life in modem society requires to perform many enduring activities. The quality of life and health condition have been atfected by this situation. For this reason, it is important for any person to achieve a high standard in health and fitness conditions, including persons with visual impairment. In this research, visual impairment is broadly considered as any kind of visual debility, according to classification ofIntemational Blind Sport Association - mSA (Bl - B2 and B3). As far as the state of health is concemed, it was taken into account not only the absence of illness but main1y a cluster of symptoms ranging all aspects of welfare, which includes physical, psychological, emotional, spiritual, social and environmental factors. In the appraisal of visual handicapped people, the approach was also concemed with the level of physical fitness in relation to health, absenteeism, productivity and the use of health care. Life quality is considered as a inter-relation of individual, social, cultural and environrnental factors which shape the living conditions of visual handicapped people. The main objective of this research was to analyze and evaluate the Profile of Health related life stile of people with visual Impairment from_ Florianópolis. A questionnaire asked about health habits, promptness for physical activities and stress, fitness tests (flexibility, abdominal and walking mile test). The answers were used to assess physical qualities, which are important for healthy life, and antropometrical measures in order to evaluate the nutritional level of visual handicapped people. The analyses of the results allowed to verify that 61.54% of QIM were single persons; 42.31 %, of QIM are visual impairment level B 1 (blind), 42.30% of QIM are able to read Braille; 42.32% of QIM have no reading about physical activity subject. In relation to level of school instructions, 23.07% of QIM .have got only primary degree. As far as the stress vulnerability is concemed, 26.93 of QIM have shown moderate level; 36.62 of QIM stay long time of the day in sitting position. On recreational sport activity, 46.15% of QIM answered that have practiced no activity of this kind. In relation to Q-PAF, 34.61 of QIM answered that they are not capable to practice physical activity. In relation to women, 44.44% of QIF and QIIF were single persons, 44.44% are visual impairment level Bl (blind), 33.33 of QIF and QIIF are able to read Braille and 44.45 of QIF have no reading about physical activity subject. According to the answers of the questionnaire, 33.33% of QIF have got on1y primary school degree and 33.33% QIIF have not got any formal educational degree. In relation to stress vulnerability, 33. 34% of QIIF have shown moderate level and 33.33 of QIF and QIIF stay long time of the day in sitting position. On recreational sport activity, 33.34% of QIIF have practice once a week and 33.34% of Q-PAF answered that they are not capable to practice physical activity
   
Titulação: Mestre em Educação Física
   
Programa de Pós-Graduação: Educação Física
   
Área de Concentração: Não possui
   
Linha de Pesquisa: Não possui
   
Contribuidor(es):
[Orientador] Sidney Ferreira Farias
[Membro da Banca] Ruy Jornada Krebs
[Membro da Banca] Maria de Fatima da Silva Duarte**
[Membro da Banca] Arno Krug
   
Assunto(s):
[pt] Estilo de vida
[pt] saúde
[pt] portadores de deficiência visual.
[en] life stile
[en] health
[en] visual impairment.
[pt] EDUCACAO FISICA
   
Local de defesa: Florianópolis - SC - BR
   
Data da defesa:
[pt] 15/03/1999
[en] 15/03/1999
   
Número de Páginas: 102
   
Arquivo(s):
PDF - Dissertação
Detalhar Incluir na pasta 
    


Resultado(s) [1 - 1]
Primeira | 1 | Última
Páginas:
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações
Busca  
Busca Avançada »
Pasta de Trabalho » Ajuda
Registros por página

v-IBICT | COPYRIGHT ©
desenvolvido para IE 5.0+
Universidade Federal de Uberlândia www.sibradid.eef.ufmg.br