NUTESES
 
SISTEMA DE PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA DE TESES E DISSERTAÇÕES | BUSCA |

Warning: in_array() [function.in-array]: Wrong datatype for second argument in /home/webtedenuteses/html/tde_busca/biblioteca/mostraResultados.inc on line 828
Pesquisa resultou em: 1 registro(s)
Páginas:
Primeira | 1 | Última
Resultado(s) [1 - 1]
Total de Páginas: 1
1
Autor: Fernando Vitor Lima
   
Título(s):
[pt] Analise das tecnicas psicologicas de auto-regulacao em situacoes criticas de competicao no tenis de mesa
[en] It analyzes of the psicologicas tecnicas of auto-regulacao in situacoes you criticize of competicao in the tenis of table.
   
Instituição de Defesa: Universidade Federal de Minas Gerais
   
Resumo(s):
[en] The present study aims at investigating the most important critical situation in high level table tennis competitions. It also intend to analise the self regulation techniquesapplied by the athletes, aiming at identifying which techniques are more effective at these situations through the result of the immediate two points after each situation. Five athletes from the national female team took part in this study; they were between 16 and 22 years old and have been training table tennis for at least 6 years, with national and international experience. The 6 most important critical situations were choosen by 100 athletes and coaches through the “Critical Stituation” in Table Tennis (CSTM) inventory, developed at the Laboratory of Sport Psychology in the Physical Education School-Federal University of Minas Gerais. A total of 821 points were analysed at 4 national and international competitions, and 237 critical situations were identified. Through the self-confrontation method, it was determined that self regulation techniques were applied in 105 critical situation and the frequency of application of each technique at each situation was also determined. The motor techniques of self-regulation were prevalent in 65,7% of all situations; cognitive techniques were applied in 9,5 of the situations and the combination of both motor and cognitive techniques were used in 24,8% of situations. The comparison of the self-regulation techniques based on the result in the two following points, showed a statistical difference (p=0,044), with the cognitive techniques presenting better results, overcoming the motor and the combinated techniques, which have no difference. The analisys of the first point after each critical situation, when comparing the three techniques, showed no significant differences (p=0,068), but the cognitive techniques overcomes the other three categories in the absolute value. The critical situations were also divided in two groups of three situations, being the first one related to basic errors and the second to general errors; in this case it was verified significant differences in those basic errors (p=0,027), with the motor etchniques proving to be less efficient then cognitive or combined techniques. With the general errors, the motor and the combination of techniques showed the higher value of lost points when compared to cognitive techniques. It was not possible to evaluate the significance of this difference due to the low number of errors in these situations, mainly for cognitive techniques. The results suggest that the table tennis player must be prepared to use self-regulation techniques when facing critical situations in competition and, in this present study, the cognitive techniques proved to be more efficient when one considers the immediate result after each critical situation. Other studies must be carried out in order to find out how individual and intercultural differences can modify the efficacy of these techniques as well as, the self-perception of what is critical in a table tennis match.
[pt] Este estudo tem como objetivo levantar as situações críticas ,ais importantes em uma competição de alto nível de tênis de mesa, e analisar as técnicas de auto-regulação utilizadas pelos atletas, buscando identificar quais técnicas são mais eficientes nestas situações através do resultado nos dois pontos imediatamente subseqüentes à cada situação. Participaram do estudo, 5 jogadoras da seleção barsileira de tênis de mesa, com idade entre 16 e 22 anos, um mínimo de 6 anos de pratica do tênis de mesa, e experiência em competições nacionais e internacionais. As 6 situações críticas mais importantes foram levantadas através do inventário “Situações críticas no tênis de mesa” (SCTM) desenvolvido no Laboratório de Psicologia do Esporte da Escola de Educação Física da Universidade Federal de Minas Gerais respondidos por 100 atletas e técnicos durante uma competição oficial do calendário nacional. Foram analisados 821 pontos de jogos em 4 competições oficiais a nível nacional e internacional, onde foram identificadas 237 situações críticas. Através do método da auto-confrontação foi levantado que técnicas de auto-regulação foram aplicadas em 105 situações, bem como contabilizou-se a freqüência em que apareceram cada categoria de técnica de auto-regulação. As técnicas motoras de auto regulação predominaram e 65,7% das situações; técnicas cognitiavas foram utilizadas em 9,5% do total e a combinação de técnicas motoras e cognitivas em 24,8% de toas as situações críticas analisadas. Comparando-se as técnicas de auto-regulação entre si em relação ao resultado nos dois pontos seguintes, constato-se diferenças estatisticamente significativas (p=0,044), onde a técnica que apresentou os melhores resultados foi a cognitiva, superando a motora e a combinação de técnicas, que não diferiram entre si. A analise do 1º ponto após cada situação critica, comparando-se as 3 categorias de técnicas, não constatou diferenças significativas (P=0,068), mas em valores absolutos as técnicas cognitivas também superaram as demais técnicas.As situações críticas foram também divididas em 2 grupos , de 3 situações, sendo um grupo relativo a erros de fundamentos e o outro são situações gerais; neste caso, constatou-se diferenças significativas nas situações que são fundamentos (p=0,027) sendo que a técnicas motoras mostraram-se menos eficientes quando comparadas com as técnicas cognitivas ecombinadas, que não diferiram entre si. Nas situções gerais, as técnicas motoras e combinadas apresentaram os maiores valores de pontos perdidos entre os dois pontos subseqüentes analisados quando comparados às técnicas cognitivas. Não foi possível avaliar a significância desta diferença devido ao baixo numero de erros nestas situações, especialmente para as técnicas cognitivas. Os resultados sugerem que os atletas de tênis de mesa devem ser preparados para a auto-regulação frente às situações críticasde jogo, e que neste estudo,a s técnicas sognitivas são mais eficientes quando se considera o resultado imediato do jogo após cada situação crítica. Outros estudos devem ser conduzidos buscando as diferenças individuais que possam alterar a eficiência destas técnicas, bem como a percepção do que é crítico em um jogo de tênis de mesa.
   
Titulação: Mestre em Educação Física
   
Programa de Pós-Graduação: Educação Física
   
Área de Concentração: Treinamento esportivo
   
Linha de Pesquisa: Não possui
   
Contribuidor(es):
[Orientador] Dietmar Martin Samulski
[Membro da Banca] Benno Becker Junior**
[Membro da Banca] Pablo Juan Greco**
   
Assunto(s):
[en] Not available
[pt] Não disponível
[pt] EDUCACAO FISICA
   
Local de defesa: Belo Horizonte - MG - BR
   
Data da defesa:
[pt] 05/11/1996
[en] 05/11/1996
   
Número de Páginas: 100
   
Arquivo(s):
PDF - PDF-Dissertação (parte1)
PDF - PDF-Dissertação (parte2)
PDF - PDF-Dissertação (parte3)
PDF - PDF-Dissertação (parte4)
Detalhar Incluir na pasta 
    


Resultado(s) [1 - 1]
Primeira | 1 | Última
Páginas:
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações
Busca  
Busca Avançada »
Pasta de Trabalho » Ajuda
Registros por página

v-IBICT | COPYRIGHT ©
desenvolvido para IE 5.0+
Universidade Federal de Uberlândia www.sibradid.eef.ufmg.br