NUTESES
 
SISTEMA DE PUBLICAÇÃO ELETRÔNICA DE TESES E DISSERTAÇÕES | BUSCA |

Warning: in_array() [function.in-array]: Wrong datatype for second argument in /home/webtedenuteses/html/tde_busca/biblioteca/mostraResultados.inc on line 828
Pesquisa resultou em: 1 registro(s)
Páginas:
Primeira | 1 | Última
Resultado(s) [1 - 1]
Total de Páginas: 1
1
Autor: Amandio Aristides Rihan Geraldes
   
Título(s):
[en] effects resistive training in the muscular trengh and preformance in selected functional tasks in elderly women.
[pt] Efeitos do treinamento contra resistência sobre a força muscular e o desempenho de habilidades funcionais selecionadas em mulheres idosas
   
Instituição de Defesa: Universidade Castelo Branco
   
Resumo(s):
[en] The study aimed to investigate the effects of the increase in muscular strength of elderly women and the performance in Selected Functional Skills (HFS). Strength training (TCR) was conducted during eight weeks, with a frequency of three sessions per week. Strength and performance in HFS were tested before and at the end of the intervention. The sample was homogenous, composed of 28 women aged 60 to 74 years – old, selected in elderly clubs and associations of Maceio (AL – Brazil). In order to assess the maximum dynamic strength, a test of 1 maximum repetition (1RM) was conducted, using the same exercises performed on the TCR program. Performance in HFS was determined by the time needed to execute the following tasks/ tests: a) 10 meter walking (CAM); b) rising from the dorsal laydown position (LDD); c) “Timed Up and Go Test” (TUG); d) rising/sitting five times from a chair (LBA). After the pre-tests, subjects were randomly divided in control and experimental groups, each of the them composed of 14 subjects. Statistical analysis consisted in descriptive statistics, ANOVA for repeated measurements followed by Tuckey and Scheffe post – hoc test, and Pearson correlation. In all cases, a significance level of p < 0,05 was adopted. Significant improvement were observed in strength and HFS performance in GEX (excepting TUG; p = 0,0939). Moreover, significant correlation coefficients were found between several strength measures HFS measures ( r >0,30; p < 0,05). These results suggest that TCR can be a safe strategy for improving muscular strength and HFS performance in elderly women, which may contribute with better autonomy and functional independence profiles
[pt] O presente estudo objetivou investigar os efeitos do treinamento contra resistência (TCR) sobre a força muscular e o desempenho de habilidades funcionais selecionadas (HFS) em mulheres idosas, decorrentes de três sessões semanais, durante oito semanas de tratamento experimental. As variáveis força dinâmica e desempenho nas HFS foram avaliadas antes e após a intervenção. A amostra foi homogênea, composta por 28 mulheres com idades compreendidas entre 60 e 74 anos, selecionadas entre os membros de clubes e associações de idosos da cidade de Maceió. Para avaliação da força dinâmica máxima, utilizou-se o teste de uma repetição máxima (1RM). Para a avaliação do desempenho nas HFS, utilizou-se como critério o tempo mínimo para a realização das seguintes tarefas/testes: a) caminhar 10 metros (CAM); b) levantar-se da posição decúbito dorsal (LDD); c) “Timed Up & Go Test” (TUG); d) levantar-se de uma cadeira cinco vezes (LBA). Concluindo-se os pré-testes, os sujeitos foram randomizados em dois grupos, um controle (GCT) e outro experimental (GEX), cada um composto por 14 componentes. A análise estatística compreendeu técnicas descritivas, ANOVA seguida de testes post-hoc de Tuckey e Scheffé e correlação de Pearson. Adotou-se um nível de significância de p<0,05 em todos os casos. No GEX, observaram-se melhoras significativas na força muscular e no desempenho nas HFS (com exceção do TUG; p=0,0939). Igualmente, houve correlações significativas 0,30; pentre os diversos parâmetros de força muscular e as HFS (r <0,05). Os resultados indicam que, além de seguros, os programas de TCR quando aplicados à população de idosas, possibilitam melhoras significativas na força muscular e no desempenho das HFS, o que pode contribuir com maiores autonomia e independência funcional.
   
Titulação: Mestre em Ciência da Motricidade Humana
   
Programa de Pós-Graduação: Ciências da Saúde
   
Área de Concentração: Não possui
   
Linha de Pesquisa: Não possui
   
Contribuidor(es):
[Orientador] Estélio Henrique Martin
[Membro da Banca] Paulo de Tarso Veras Farinatti
[Membro da Banca] Alair Pedro Ribeiro Souza e Silva
   
Assunto(s):
[pt] Autonomia Funcional
[pt] Envelhecimento
[pt] Treinamento de força
[pt] Idosos
[pt] Força Muscular
[pt] EDUCACAO FISICA
[en] Elderly, aging, strength, strength training, functional autonomy
   
Local de defesa: Rio de Janeiro - RJ - BR
   
Data da defesa:
[pt] 23/08/2000
[en] 23/08/2000
   
Número de Páginas: 213
   
Arquivo(s):
PDF - dissertação (parte 1)
Detalhar Incluir na pasta 
    


Resultado(s) [1 - 1]
Primeira | 1 | Última
Páginas:
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações
Busca  
Busca Avançada »
Pasta de Trabalho » Ajuda
Registros por página

v-IBICT | COPYRIGHT ©
desenvolvido para IE 5.0+
Universidade Federal de Uberlândia www.sibradid.eef.ufmg.br